Tontura ao Acordar?

Dr. Tiago Aguiar


  • Uso de medicamentos
  • Pancadas e lesões na cabeça
  • Doenças neurológicas: AVC, Isquemia Cerebral, Parkinson, tumor cerebral e doenças cerebrais degenerativas.
  • Consumo de álcool e outras drogas
  • Alterações e problemas na visão

3) Queda da Pressão Arterial
A tontura que ocorre através das alterações cardíacas ou má circulação sanguínea é denominadas de pré-sincope ou hipotensão ortostática. Ela surge quando há queda de pressão e o sangue não é bombeado adequadamente para a região cerebral.

Ela causa em sua maioria, sensações de desmaio, escurecimento total ou parcial da visão e surgimento de pequenos pontos pretos e brilhantes na visão. Geralmente elas ocorrem ao levantar subitamente de um local, uma tontura ao acordar, durante alguma prática de exercício físico. As principais causas são:

  • Queda brusca de pressão
  • Gravidez
  • Problemas cardíacos
  • Remédios que ocasionam quedas de pressão

4) Transtornos psicológicos
Alguns problemas e transtornos psicológicos podem acarretar tonturas, em especial o transtorno de ansiedade, transtorno de ansiedade generalizada, fobia social, fobia específica, transtornos de ordem psicótica, epilética entre outros.

Esses transtornos podem ocasionar muitas alterações perceptivas, como modificação de respiração, tontura, sufocamento, falta de percepção corporal, visual e auditiva. As tonturas podem ocorrer em períodos diversos, como a tontura ao acordar, períodos noturnos, na madrugada, ou em qualquer intervalo do dia.

Elas se manifestam através de crises psicológicas em que muitas vezes o indivíduo perde a noção do tempo e espaço, com reações fisiológicas de sufocamento e estreitamento da consciência.